Sustentabilidade

Parque em Itu dá exemplo de sustentabilidade

FONTE: JEONLINE

Coleta seletiva, uso de energia solar e reutilização da água da chuva são algumas das iniciativas do Parque Maeda; só no ano passado, local coletou 4.450 litros de óleo de cozinha e 18.200 kg de papelão, entre outros resíduos

Com a crescente importância do tema e em decorrência da atual crise dos recursos renováveis, a sustentabilidade passou a nortear ações políticas, empresariais e individuais. Em Itu (SP), o Parque Maeda tem dado exemplo de como uma organização pode aliar crescimento econômico ao desenvolvimento sustentável, colocando em prática iniciativas como coleta seletiva de resíduos e economia de energia e água.

Só no ano passado, o Parque Maeda coletou 4.450 litros de óleo de cozinha, 910 litros de óleo lubrificante, 8.020 kg de ferro, 3.675 kg de coco verde, 18.200 kg de papelão, 3.790 kg de alumínio, 16.220 kg de plástico e 6.120 kg de vidro. Realizou, ainda, a coleta de 10 kg de bitucas de cigarro, 4.980 unidades de esponjas, 280 unidades de baldes, 50 m³ de madeira, 280 unidades de caixas de isopor e 80 unidades de potes (vasilhames). Cada material foi destinado a uma empresa de reciclagem específica. “Queremos contribuir efetivamente com o meio ambiente e sermos exemplos para clientes, parceiros e colaboradores”, destaca Fernando Maeda, proprietário do parque.

Fernando recorda que, recentemente, a Pousada Maeda recebeu o selo prata do programa EcoLíderes, do site TripAdvisor. O programa reconhece e divulga pousadas e hotéis ecologicamente corretos que adotam práticas sustentáveis. Entre as ações da pousada, estão: uso de lâmpadas e refletores de LED, iluminação com sensor de presença, reutilização da água da chuva, separação de lixo orgânico do refeitório, classificação de material reciclável, destinação das podas de árvores para compostagem, reciclagem de bitucas de cigarro, aquecimento de chuveiros a gás, ar-condicionado inverter, conscientização de troca de toalha e roupa de cama e paisagismo que auxilia na regulagem da temperatura - a pousada é cercada por plantas e árvores que amenizam o calor.

O próximo passo, segundo Fernando, será implantar na pousada o uso de energia solar – recurso que já está presente no parque. “Estamos elaborando um projeto para isso; em breve teremos novidades”, afirma.