Ação humanitária

Criança de sete meses é salva de sufocamento após mãe ligar para o 190

FONTE: A TARDE

Uma criança de sete meses foi salva de um sufocamento após a mãe, Juliana Aguiar dos Reis, 26 anos, solicitar auxílio da polícia, via 190, na quarta-feira, 21. Segundo informações da Secretaria de Segurança Pública da Bahia (SSP-BA), o caso aconteceu na cidade de Porto Seguro, no sul do estado, por volta das 22h, quando o pequeno Kalel Rodrigues Reis ficou sem respirar após expelir leite e secreções.

Segundo a SSP-BA, a jovem pediu socorro ao Centro Integrado de Comunicações (Cicom) porque não conseguiu manter contato com familiares. A ligação foi direcionada à mesa do Corpo de Bombeiros e a mãe seguiu as instruções do sargento Adilson Francisco Santana, até desobstruir as vias aéreas do bebê.

“Liguei para várias pessoas, mas ninguém atendeu. Hoje vejo que foi melhor assim, afinal, se eu seguisse para o hospital, não sei se daria tempo, pois ele estava sem respirar”, conta a mãe.

Durante o atendimento, o sargento pediu que a mãe colocasse a criança de bruços sobre a palma da mão e desferisse tapas nas costas. Juliana seguiu o procedimento, conhecido como Manobra de Heimlich, mas não foi suficiente.

Em seguida, ela foi orientada para tentar a sucção nasal, que ajudou a criança a desobstruir o aparelho respiratório e a voltar a respirar normalmente. Poucos segundos depois, foi possível ouvir o choro forte da criança, segundo o bombeiro, “sinal de que o bebê já estava bem”.