Giro pelo Brasil

Cuiabá vai construir 82 pontos de ônibus em contêineres com jardins suspensos e placas solares

FONTE: RPA 

Cada ponto de ônibus vai abrigar jardins suspensos, placas solares para iluminação, pontos de USB para recarga de celulares, além de uma pequena biblioteca de livros.

A prefeitura de Cuiabá anunciou um projeto que prevê a construção de 82 pontos de ônibus que aproveitam a estrutura de contêineres para transporte de cargas.

Cada ponto de ônibus vai abrigar jardins suspensos – cobertos por plantas ornamentais –, placas solares para iluminação, pontos de USB para recarga de celulares, além de uma pequena biblioteca de livros, segundo informações do G1.

O primeiro ponto foi construído na Avenida Historiador Rubens de Mendonça (Avenida CPA). A prefeitura escolheu regiões da cidade com um fluxo médio de passageiros entre 5 e 10 mil pessoas por dia para instalar os demais pontos. 🚌

Para alcançar esse objetivo, a prefeitura abriu uma chamada pública para empresas interessadas em custear a instalação dos 81 pontos de ônibus restantes. Em troca, essas empresas ganham o direito de explorar o espaço com o uso de publicidade.

As empresas terão um prazo mínimo de cinco anos para exploração e serão responsáveis pela manutenção do local. O tempo de uso poderá ser prolongado conforme a legalidade dos trâmites institucionais.

Os contêineres aproveitados na instalação dos pontos de ônibus devem passar por um processo de restauração e ter a garantia de pelo menos mais 15 anos de vida útil.

Segundo a prefeitura, o projeto pretende oferecer maior comodidade ao cidadão e é resultado de uma parceria entre a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (Semob) e a Secretária Extraordinária dos 300 Anos.