Fonte: Agência Alagoas - Texto: Pollyana Almeida - Imagem: Divulgação

Cerca de 4.500 litros de leite são distribuídos por semana em municípios.

A Secretaria de Estado da Agricultura, Pecuária, Pesca e Aquicultura de Alagoas (Seagri/AL) esteve, na segunda- feira (18), em Girau do Ponciano, que faz parte da região metropolitana do Agreste e possui 42 mil habitantes, para cumprir mais uma etapa do Programa do Leite. Na oportunidade, foram distribuídos 3.096 litros de leite durante a ação, beneficiando cerca de 800 famílias.

"É essencial que o Programa do Leite prossiga, que alcance as famílias alagoanas, pois é benéfico para as pessoas que vivem em situação de vulnerabilidade social aqui no Estado. Muito mais do que uma assistência, a iniciativa traz esperança para o nosso povo", ressalta o secretário João Lessa.

A ação tem beneficiado direta e indiretamente na qualidade de vida de milhares de famílias aqui em Alagoas. A Seagri tem parceria com todas as prefeituras para realizar a distribuição do leite, para aqueles que tanto precisam do alimento.

“A dificuldade da gente é grande, então espero que sempre continue assim, que não deixe de faltar esse leite. Ele fez muita falta nesses meses que não recebi, pensei até que não ia voltar, mas, graças a Deus, voltou, então agradeço o Governo do Estado por trazer esse benefício para nós”, comemorou Jessica França, moradora de Girau do Ponciano, dona de casa, mãe de três filhos e beneficiária do Programa.

Maribondo
Na sexta- feira passada (15), foi a vez de Maribondo receber a distribuição de leite. A ação aconteceu no Mercado Municipal. Com a retomada do Programa do Leite na cidade, mais de 340 famílias foram beneficiadas.

Rosimeire dos Santos, moradora de Maribondo, mãe de oito filhos, comemorou a volta do leite, alimento essencial na sua vida e dos seus filhos. “Estava muito difícil sem receber o leite, meses sem leite, as crianças estavam passando fome, mas agora resolveram voltar a entregar, graças a Deus, agora tá ótimo, que a gente continue recebendo esse alimento sempre”, declarou a beneficiária do Programa do Leite.