Fonte: Yahoo - Imagem: Liza Summer no Pexels

A bilionária norte-americana Mackenzie Scott, ex-mulher do fundador da Amazon, Jeff Bezos, anunciou a doação de US$ 3,8 bilhões para 465 ONGs

As organizações não governamentais contempladas lidam com problemas sociais de maneira sistêmica.

Das 465 ONGs contempladas no mundo, 60% são lideradas por mulheres.

A bilionária norte-americana Mackenzie Scott, ex-mulher de Jeff Bezos, fundador da empresa de tecnologia Amazon, divulgou a doação de US$ 3,8 bilhões, o equivalente a R$ 18,4 bilhões na cotação atual, a 465 ONGs, sendo 16 delas brasileiras.

Algumas das organizações optaram por não divulgar os valores enquanto estão no curso de receber as doações.

“A liderança de pessoas que vivenciam diretamente as desigualdades é essencial, tanto porque é baseada em vivências únicas quanto porque semeia oportunidades dentro da própria comunidade”, escreveu Mackenzie Scott em texto na plataforma Medium.

Vera Cordeiro, liderança do Instituto Dara, uma das ONGs contempladas, disse que a organização foi entrevistada durante quatro meses e que não se sabia quem era a pessoa doadora.

Eliana Sousa, da Redes da Maré, afirmou que os entrevistadores estavam interessados em saber sobre as transformações que a ONG estavam produzindo.

Das 465 organizações não governamentais contempladas no mundo, 60% são lideradas por mulheres.

Veja quais ONGs brasileiras foram contempladas:

  • Brazil Foundation – US$ 5,5 milhões
  • Conectas Direitos Humanos
  • Fundação Lemann
  • Fundo Baobá
  • Fundo Brasil de Direitos Humanos
  • Fundo Casa Socioambiental
  • Fundo Elas – US$ 3,5 milhões
  • Gerando Falcões – US$ 5,5 milhões
  • Instituto Dara – US$ 1 milhão
  • Instituto Rodrigo Mendes
  • Instituto Sou da Paz – US$ 1,2 milhões
  • Nossa
  • Politiza
  • Projeto Saúde & Alegria
  • Redes da Maré
  • Vetor Brasil – US$ 750 mil