Fonte: Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo 
Por: Comunicação Social TJSP – CA (texto) / LF (arte)

Parceria do Governo e TJSP prioriza atendimento de vítimas.

O aplicativo SOS Mulher, criado pelo Governo do Estado, possibilita que mulheres com medidas protetivas concedidas pelo Tribunal da Justiça de São Paulo possam pedir socorro quando estiverem em situação de risco. Por ele, as vítimas solicitam ajuda apertando apenas um botão no celular. A viatura da Polícia Militar mais próxima é enviada rapidamente para o local onde foi emitido o sinal, em georreferenciamento.

Imagem: Pexels - Ilustrativa
Fonte: Portal do Governo do Estado de São Paulo 

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) apresentou levantamento inédito sobre o número de pessoas transgêneros que estão nos presídios do estado. A pesquisa, realizada em outubro do ano passado, apontou que, das então 232.979 pessoas custodiadas na SAP naquele período, 869 se declararam mulheres trans ou homens trans. Ao todo, eram 5680 presos(as) LGBTQI+, equivalente a 2,44% da população total.