Fonte: Governo de Pernambuco - Imagem: Divulgação

Nesta quarta-feira (30), o sistema de compartilhamento de bicicletas BikePE recebe 100 novos veículos que serão integrados às estações já em operação no Recife, Olinda e Jaboatão dos Guararapes.

O recebimento das novas bicicletas será realizado no Parque da Jaqueira, onde está a segunda estação com maior retirada de veículos, ficando atrás apenas da estação Boulevard Rio Branco – local onde foi realizada a entrega de 60 bicicletas em fevereiro.

As novas bicicletas serão colocadas nas estações do centro do Recife (Santo Amaro, Santo Antônio, Boa Vista e Recife Antigo) por apresentarem maior demanda dos usuários. Mas, pela natureza do serviço, podem “flutuar” para outras estações nos dias seguintes sendo distribuídas naturalmente nas regiões atendidas. Agora o sistema passa a operar com 960 bicicletas e 90 estações. Cada uma delas realiza, em média, quatro viagens por dia e os usuários as utilizam por, em média, 30 minutos.

Atualmente o Bike PE conta com 19.105 clientes ativos distribuídos entre os planos avulso (R$ 3,40 por 30 min), diário (R$ 8,00 por 60 min, sendo 120 min nos domingos e feriados), mensal (R$ 29,90 por 60 min, sendo 120 min nos domingos e feriados) e anual (R$ 239,90 por 60 min, sendo 120 min nos domingos e feriados).

A TemBici opera o sistema BikePE, que tem patrocínio do banco Itaú e gestão da Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Pernambuco. Líder em micromobilidade na América Latina, é responsável por mais de 60 milhões de deslocamentos com bicicletas nas principais capitais brasileiras, como Rio de Janeiro, São Paulo, Salvador, Recife, Porto Alegre e Brasília, além de Santiago, no Chile, e Buenos Aires, na Argentina. O recebimento das bikes estava previsto para o final de abril, mas foi antecipado em um mês graças à articulação da Secretaria Executiva de Políticas Urbanas da Seduh.

Escritório da Bicicleta – Também nesta quarta, será apresentado o Projeto de Lei que instituirá o Conselho Consultivo Escritório da Bicicleta. Formado por cicloativistas, acadêmicos, prefeituras e órgãos do estado para o assessoramento da ciclomobilidade em Pernambuco, o organismo assessorará a coordenação das tarefas internas de ciclomobilidade e terá as funções de promover o uso da bicicleta. O papel do Conselho Consultivo Escritório da Bicicleta será o de dar o apoio necessário às prefeituras para garantir que a infraestrutura cicloviária a implantar seja feita de acordo com os parâmetros de desenho e qualidade estabelecidos no PDC.

Termo de cooperação - A Secretaria de Desenvolvimento Urbano e Habitação de Pernambuco (Seduh) assina termo de cooperação técnica com a Autarquia de Trânsito e Transporte Urbano do Recife (CTTU) para desenvolver ações que possibilitem a ampliação e melhoria na infraestrutura cicloviária da cidade do Recife, para que os ciclistas tenham mais segurança viária, além de estimular o uso da bicicleta nos deslocamentos cotidianos da população.

O plano de trabalho prevê três eixos: adequação dos ciclos existentes e implantação de novos; instalação de paraciclos; e realização de campanhas educativas. As vias que serão contempladas com o termo de cooperação técnica para adequação e implantação de novos ciclos são:
- Rua Professor Othon Paraíso
-  Avenida Boa Viagem
-  Avenida Professor José dos Anjos
-  Ciclovia Camilo Simões
-  Ciclofaixa de Brasília Teimosa
-  Ciclofaixa do Canal do Cavouco

A intenção é dotar as vias de maior segurança para que os ciclistas possam utilizar com maior frequência, apontando as necessidades de cada trecho (segregador, gradil, parapé, balizadores, sinalização horizontal e vertical) e realizando a manutenção dos espaços. A aquisição e implantação dos dispositivos – inclusive paraciclos – caberão ao Governo de Pernambuco, através da Seduh, após celebração de convênio. O termo ainda prevê a realização de campanhas educativas voltadas à conscientização de motoristas de veículos motorizados sobre o respeito aos pedestres e ciclistas.