Fonte: Ministério da Saúde
Imagem: Pixabay

Ministério da Saúde lança edital para estudantes de medicina, enfermagem, fisioterapia e farmácia. Participantes poderão ter direito a bolsa de até R$ 1.045

Estudantes da área de saúde estão sendo chamados para atuarem no enfretamento ao coronavírus no país. Por meio da ação “O Brasil conta comigo”, o Ministério da Saúde publicou, nesta quarta-feira (1º/4), o edital que estabelecem as providências emergenciais e trazem informações sobre como os alunos de medicina, enfermagem, fisioterapia e farmácia devem proceder para atuarem no combate ao COVID-19 no Sistema Único de Saúde (SUS).

Imagem: Pixabay
Fonte: Ministério da Saúde

Coronavírus (CID10) é uma família de vírus que causam infecções respiratórias. O novo agente do coronavírus foi descoberto em 31/12/19 após casos registrados na China. Provoca a doença chamada de coronavírus (COVID-19).

Os primeiros coronavírus humanos foram isolados pela primeira vez em 1937. No entanto, foi em 1965 que o vírus foi descrito como coronavírus, em decorrência do perfil na microscopia, parecendo uma coroa.

Imagem: Pexels - Ilustrativa
Fonte: Agência Brasil 
Por: Camila Boehm

O transplante de órgãos é um procedimento cirúrgico de reposição de um órgão (como coração, fígado, pâncreas, pulmão e rim) ou tecido (medula óssea, ossos e córneas) de uma pessoa doente por outro órgão ou tecido normal de um doador, que pode estar vivo ou morto.

Imagem: Cedida pelo Portal do Governo
Fonte: Portal do Governo do Estado de São Paulo

Pelo menos desde o fim de 2016, veículos de comunicação noticiam problemas na distribuição de um imunossupressor essencial para pacientes que receberam transplantes de rim, fígado, pâncreas e coração: o tacrolimo, que, associado a outros fármacos, evita que os anticorpos ataquem o denominado enxerto; se ele não for tomado regularmente, a pessoa pode perder o órgão transplantado e, em alguns casos, chegar ao óbito.

Imagem : Pexels
Fonte : Portal do Governo do Estado de São Paulo

Pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas analisam conjuntos de proteínas de amostras biológicas

Cientistas da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) investigam os processos pelos quais, no organismo humano, os marcadores podem auxiliar a indicar doenças. Vale destacar que a análise do conjunto de proteínas existente no plasma sanguíneo pode revelar diversos processos e até mesmo ajudar a diagnosticar algumas enfermidades.

Imagem: Divulgação/Instituto Butantan
Fapesp :
Vacina mais barata e eficaz contra pneumonia é testada em humanos
Fonte : Portal do Governo do Estado de São Paulo

Uma nova vacina contra pneumonia, mais barata e abrangente que as versões atualmente usadas no Brasil, está sendo testada em humanos. Desenvolvida por pesquisadores do Instituto Butantan e do Boston Children’s Hospital, da Universidade Harvard, dos Estados Unidos, a formulação protege o organismo contra todos os sorotipos da bactéria Streptococcus pneumoniae, causadora da doença.

Subcategorias