Fonte:  Governo do Amazonas - Imagem: Pixabay

A partir da próxima semana, a Fundação Alfredo da Matta (Fuam) inicia a entrega de calçados adaptados e personalizados.

O Governo do Amazonas, por meio da Fundação Alfredo da Matta (Fuam), vai beneficiar, a partir da próxima semana, 300 pessoas com sequelas da hanseníase, com sapatos adaptados e personalizados à alteração de sensibilidade nos pés. A adaptação é realizada na oficina de calçados da Fuam e foi apresentada pela direção da fundação ao secretário de Estado de Saúde (SES-AM), médico Anoar Samad, e aos técnicos do órgão, nesta quinta-feira (29/07).

“Um dos problemas maiores são as sequelas da hanseníase, como a falta de sensibilidade nos pés. Pela primeira vez, a Fundação Alfredo da Matta vai doar sapatos confeccionados especificamente para cada paciente. A iniciativa é fantástica e vai beneficiar muitas pessoas na capital e no interior”, ressaltou Dr. Anoar Samad.

De acordo com o diretor-presidente da Fuam, Ronaldo Derzy Amazonas, os calçados irão proporcionar conforto, segurança e prevenir lesões aos pacientes, que perdem a sensibilidade nos pés devido à doença.

“As palmilhas são personalizadas por leitor scanner eletrônico e por impressão 3D. A partir da próxima semana começa a seleção dos pacientes. Em 2020, começamos a fazer essa adaptação utilizando recursos tecnológicos mais modernos, como o scanner. Agora nós conseguimos adquirir os sapatos, por meio de emenda parlamentar federal, e estamos preparando esses calçados completos para doação aos pacientes”, explicou o diretor, acrescentando que o objetivo da oficina de órteses e próteses é criar e dar autonomia aos pacientes com hanseníase e qualidade de vida.

Agenda - Durante a visita técnica, a direção da Fuam apresentou ao secretário o Programa de Controle de Hanseníase e os resultados do projeto Ação pela Eliminação da Hanseníase (Apeli), que faz parte do Programa Saúde Amazonas.

O projeto leva ao interior do Estado uma frente de ações para educação, exames, tratamento e organização estratégica, práticas importantes para o combate à hanseníase e outras doenças dermatológicas, além das Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST).

“O projeto Apeli é simplesmente fantástico. Parabenizo os autores, técnicos da Fundação e o Dr. Ronaldo. Fiquei impressionado com o efeito que essa iniciativa vai causar na população com o controle da hanseníase. Projeto fantástico que nós vamos avançar cada vez mais”, enfatizou Dr. Anoar Samad.

O secretário de saúde visitou as instalações da farmácia especializada, as salas de fototerapia, fisioterapia e de telemedicina, laboratórios especializados, centro cirúrgico, consultórios e oficina de calçados.

Em 30 dias de gestão, é a segunda visita técnica do secretário às fundações da SES-AM. No dia 13 de julho, Anoar Samad esteve na Fundação Centro de Controle de Oncologia (FCecon) e conheceu o projeto de construção do Centro Avançado de Prevenção do Câncer de Colo de Útero do Amazonas.